28/06/2024
  • 11:34 Vídeo: Membro do PCC é atingido por 15 tiros na cabeça em Manaus; assista
  • 11:30 PUMP é multada em R$18 mil por doação ilegal a candidato
  • 11:25 Ex-noivo de Djidja, Bruno Roberto recebe prisão domiciliar por decisão judicial
  • 11:21 Prefeito David Almeida inaugura novas estruturas da feira itinerante Prefeito 2 Novo título: Prefeito David Almeida inaugura novos espaços na feira itinerante Prefeito 2
  • 10:04 Forças de Segurança se unem na Festa dos Visitantes em Parintins

Uma adolescente, de 17 anos, se entregou à polícia na noite dessa sexta-feira (25), após confessar que participou da morte da também adolescente Lenita Silva da Silva, que tinha 14 anos. O crime ocorreu em maio do ano passado, no ramal da Praia Dourada, bairro tarumã, zona Oeste da cidade.

Na época do crime a adolescente tinha 16 anos. Aos policiais ela contou que era amiga da vítima e que assistiu toda a execução da jovem. Ela contou ainda que o autor dos disparos que mataram Lenita é conhecido como “Mateuzinho”.

A motivação do crime seria porque Lenita teria passado informações de uma facção criminosa para outra. A adolescente disse que resolveu se entregar porque desde o dia do crime vivia apreensiva e com medo.

O corpo da adolescente foi encontrado por populares que passavam pela região, na noite do crime, por volta das 23h20. Agora, a adolescente deverá ser encaminhada à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde permanecerá à disposição da Justiça.

Redação 2

RELATED ARTICLES