28/05/2024
  • 09:30 Imersão Eleições: inscrições abertas para o maior evento de marketing político para capacitação profissional com foco em campanhas eleitorais
  • 08:10 Botafogo derrota Flamengo por 2 a 0 no Maracanã
  • 08:10 Botafogo vence Flamengo por 2 a 0 no Maracanã
  • 08:09 Botafogo derrota Flamengo por 2 a 0 no Maracanã
  • 08:08 Botafogo derrota Flamengo no Maracanã por 2 a 0

Uma operação denominada Operação Resguardo, deflagrada nesta terça-feira (8), com foco no combate à violência contra a mulher, resultou nas prisões de suspeitos em flagrante e em cumprimento a mandados de prisão da capital e no interior do Amazonas.

Em um dos casos, uma mulher que era mantida em cárcere privado no bairro Ponta Negra, foi resgatada. De acordo com a delegada Kelene Passos, da Delegacia Especializada em Crimes contra a Mulher (DECCM), a vítima ficava presa no apartamento e era monitorada por câmeras, onde o marido tinha acesso pelo celular. 

“Em fevereiro, ele viajou e a mulher conseguiu através do celular da secretária ligar para uma amiga, que atua como delegada no interior do estado. A mulher acionou a polícia de Manaus e o resgate foi feito”, destacou.

Ainda conforme a titular, nesta terça, no dia D da operação, as equipes cumpriram, também, um mandado de prisão preventiva em nome de um homem, de 61 anos, por ameaça, injúria e descumprimento de medida protetiva, que teve como vítima sua ex-companheira, de idade não revelada, de quem estava separado há quatro anos. O infrator foi preso em via pública, no bairro Coroado, zona leste. 

Foram realizadas ações entre 8 de fevereiro a 8 de março deste ano, com atendimento de 1.597 vítimas; 241 diligências; 27 denúncias; 642 medidas protetivas; 15 mandados de prisão; além de três mandados de busca e apreensão.

Os indivíduos responderão por ameaça, injúria, vias de fato e descumprimento de medidas protetivas e ficarão à disposição do Poder Judiciário.

Redação 2

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT