28/02/2024
  • 10:30 Pastores investigados pela Polícia Federal têm ligação com Marcos Bastos, do “Pai Resgatando Vidas”; confira vídeos
  • 10:25 TCE apresenta à Aleam minuta do projeto de criação da Ouvidoria da Mulher
  • 10:19 Fernanda Gentil é diagnosticada com paralisia de Bell: entenda mais sobre a doença
  • 10:14 “Bons de briga”: torcedores enfrentam batalhão de seguranças em jogo; assista aos vídeos
  • 07:06 Hemoam convoca doadores do tipo O devido a estoque baixo de sangue
Sede do Ministério Público do Estado do Amazonas em Manaus — Foto: Divulgação /MPE-AM

Ministério Público do Amazonas planeja concurso público com 136 vagas

O Ministério Público do Amazonas (MPAM) está nos preparativos para realizar um concurso público que disponibilizará 136 vagas. Na última quinta-feira (30), o órgão assinou um contrato com a Fundação Carlos Chagas (FCC) para a organização do edital, cuja previsão é que seja publicado ainda em dezembro de 2023.

Segundo informações divulgadas pelo MP, o concurso irá oferecer vagas e formação de cadastro de reserva para servidores administrativos da Procuradoria-Geral de Justiça do Amazonas. Reconhecendo a importância de contar com um quadro qualificado de servidores para atender às demandas da sociedade, o procurador-Geral de Justiça, Alberto Rodrigues do Nascimento Júnior, destacou a importância dessa contratação.

Com a assinatura do contrato, a Fundação Carlos Chagas assume a responsabilidade pelas etapas do concurso. “Reconhecemos a importância vital de contar com um quadro de servidores qualificados e suficiente para atender às demandas da sociedade amazonense”, disse o procurador-Geral de Justiça, Alberto Rodrigues do Nascimento Júnior, por meio da assessoria de imprensa.

A previsão é que o edital seja publicado na primeira quinzena de dezembro de 2023. As disciplinas e requisitos específicos para cada cargo ainda serão definidos. O MP informou que a proposta para a criação dos cargos está em tramitação no Colégio de Procuradores de Justiça (CPJ) e visa melhorar a eficiência da Procuradoria, reduzindo as demandas de trabalho e aumentando a produtividade.

O Ministério Público realizou um estudo de impacto orçamentário e financeiro para comprovar a viabilidade dos custos relacionados à criação dos cargos. No entanto, o órgão não informou quais níveis de escolaridade serão exigidos para o concurso público.

As provas serão aplicadas em Manaus, em apenas um dia, nos horários da manhã e tarde. O MPAM está empenhado em garantir um processo seletivo justo e eficaz para preencher as vagas disponíveis e fortalecer o seu quadro de servidores.

Fonte: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2023/12/01/ministerio-publico-do-amazonas-planeja-concurso-com-136-vagas.ghtml

redacao

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT