29/06/2024
  • 11:34 Vídeo: Membro do PCC é atingido por 15 tiros na cabeça em Manaus; assista
  • 11:30 PUMP é multada em R$18 mil por doação ilegal a candidato
  • 11:25 Ex-noivo de Djidja, Bruno Roberto recebe prisão domiciliar por decisão judicial
  • 11:21 Prefeito David Almeida inaugura novas estruturas da feira itinerante Prefeito 2 Novo título: Prefeito David Almeida inaugura novos espaços na feira itinerante Prefeito 2
  • 10:04 Forças de Segurança se unem na Festa dos Visitantes em Parintins

Confusão e morte marcaram a tarde desta quarta-feira (16), no Centro de Manaus. Por volta das 17h, o ex-presidiário Ramon Almeida, de 30 anos, foi assassinado a tiros na Praça do Relógio. O autor dos disparos foi preso logo em seguida enquanto fugia pelas ruas da área central da capital amazonense.

De acordo com a Polícia Militar, Ramon estaria trabalhando no local com venda e compra de aparelhos celulares. O suspeito de ter cometido o crime, identificado como João Coelho Neves Filho, de 30 anos, teria chegado ao local e logo em seguida, sacado uma arma de fogo e apontado para a vítima.

Ramon ainda tentou fugir correndo pela praça, mas acabou sendo alvejado com diversos disparos e morreu na hora. Já o suspeito fugiu a pé, mas foi identificado e detido por uma guarnição da Polícia Militar que fazia patrulhamento do local. Com ele os policiais apreenderam a arma utilizada no crime.

De acordo com a polícia, Ramon já tinha passagem pela polícia. O corpo dele foi periciado por servidores do Departamento de Polícia Técnico Científica (DPTC) e em seguida, levado para o Instituto Médico Legal (IML).

Redação 2

RELATED ARTICLES