24/05/2024
  • 08:10 Botafogo derrota Flamengo por 2 a 0 no Maracanã
  • 08:10 Botafogo vence Flamengo por 2 a 0 no Maracanã
  • 08:09 Botafogo derrota Flamengo por 2 a 0 no Maracanã
  • 08:08 Botafogo derrota Flamengo no Maracanã por 2 a 0
  • 11:32 Michelle Bolsonaro elogia Virada Feminina e reconhece liderança de Cileide Moussallem no AM

Manaus/AM-A Polícia Civil informou nesta segunda-feira (24), que mais de 3 mil testes rápidos de Covid-19, desviados da rede pública de saúde do Amazonas, foram apreendidos em Roraima. 

De acordo com a polícia, a apreensão da carga aconteceu na última sexta (21), na fiscalização do posto de Jundiá, em Rorainópolis, próximo a divisa com o Amazonas. O motorista do furgão estava sem nota fiscal e não passou por análise no posto da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz). 

O motorista alegou que a carga era uma doação da SES Amazonas para a Secretaria de Saúde de Roraima (Sesau), porém, ao ser analisado junto ao Sesau foi constatado que o estado não sabia da tal doação e a carga ficou retida. 

Um empresário fez o pagamento no sábado de uma guia de imposto do material no sábado (22), no valor de R$ 94 mil, e a carga foi liberada. Mas, a carga foi retida novamente quando estava em Boa Vista, pela Polícia Rodoviária Federal. A Polícia Civil constatou que todo o material havia sido desviado da saúde pública do Amazonas, e o governador do Estado foi comunicado para devolução da carga.  

As investigações do caso devem seguir para apurar o crime fiscal em Roraima, já o Amazonas vai investigar possível crime de peculato. O motorista que estava com a carga foi liberado, já o empresário que pagou o imposto mandou um advogado para representá-lo, ele deve ser considerado suspeito no caso.

Redação 2

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT