28/02/2024
  • 10:30 Pastores investigados pela Polícia Federal têm ligação com Marcos Bastos, do “Pai Resgatando Vidas”; confira vídeos
  • 10:25 TCE apresenta à Aleam minuta do projeto de criação da Ouvidoria da Mulher
  • 10:19 Fernanda Gentil é diagnosticada com paralisia de Bell: entenda mais sobre a doença
  • 10:14 “Bons de briga”: torcedores enfrentam batalhão de seguranças em jogo; assista aos vídeos
  • 07:06 Hemoam convoca doadores do tipo O devido a estoque baixo de sangue

O sargento da Aeronáutica Manoel Silva Rodrigues, acusado de transportar 37 quilos de cocaína pura no avião da Força Aérea Brasileira (FAB), será julgado nesta terça-feira (15) pela Justiça Militar da União (JMU). 
 
Manoel foi preso em Sevilha, na Espanha, em 2019, ao ser flagrado transportando a droga em um voo da comitiva do presidente da República. Já em fevereiro de 2020, o sargento foi sentenciado pela justiça espanhola a cumprir 6 anos e 1 dia de prisão.
 
Além da prisão, o homem também foi multado em 2 milhões de euros. O sargento vai participar da sessão em Brasília de forma remota, pois continua preso na Espanha. 
 
Após a descoberta deste crime, a Polícia Federal deflagrou em fevereiro de 2021 a operação Quinta Coluna que apurou, além do uso de aeronaves militares para o tráfico, um esquema de lavagem de dinheiro.

Redação 2

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT