28/06/2024
  • 20:12 Confrontos marcam Argentina após Senado aprovar megapacote de reformas de Milei.
  • 18:04 Brasil finaliza maio com déficit de R$ 61 bi, o pior resultado sem pandemia.
  • 18:02 General Zuñiga é exibido algemado pelo governo da Bolívia após frustrada tentativa de golpe; assista ao vídeo.
  • 17:59 Prefeitura de Manaus começa recapeamento da avenida Autaz Mirim na zona Leste
  • 17:57 Governador Wilson Lima exalta criação de 24 mil empregos e aporte de R$ 150 milhões no Festival de Parintins

Policiais da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), prenderam na manhã desta quarta-feira (9), um homem de 50 anos suspeito de ter cometido crime de estupro de vulnerável contra a enteada, uma criança de apenas 10 anos de idade. A vítima é portadora de deficiência intelectual.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Depca, as equipes tomaram conhecimento do caso no dia 11 de janeiro deste ano, após a mãe da vítima registrar um Boletim de Ocorrência (BO) relatando o crime.

“A genitora contou que descobriu o fato enquanto mexia no aparelho telefônico do infrator. Na lixeira do smartphone, encontrou fotos íntimas do homem e da criança, ocasião em que foi questioná-lo, e ele negou. No entanto, a menina confirmou que o delito ocorria na ausência da mãe”, disse a delegada.

A prisão do indivíduo ocorreu em cumprimento a mandado de prisão expedido no dia 14 de janeiro deste ano, pelo juiz Anésio Rocha Pinheiro, da Central de Plantão Criminal. A autoridade policial explicou que o indivíduo foi preso após comparecer à delegacia, momento em que a ordem judicial em nome dele foi cumprida.

O homem responderá por estupro de vulnerável e ficará à disposição do Poder Judiciário.

Redação 2

RELATED ARTICLES
LEAVE A COMMENT